Ensino de filosofia: a ressignificação conceitual filosófica no contexto social do educando

  • Anne Caroline Freitas Vieira Aragão Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
  • José Belizário Neto Universidade Federal do Amazonas (UFAM), PPG Filosofia (Unicamp)
  • Reinaldo Oliveira Menezes Universidade Federal do Amazonas
Palavras-chave: Conceito; Ensino de Filosofia; Filosofia.

Resumo

O respectivo artigo tem o objetivo de discutir a Filosofia tendo como especificidade de criação de conceitos, partindo das ideias defendidas por Deleuze e Guattari na Obra “O que é a Filosofia?”, na qual afirmam que a Filosofia não deve ser pensada como um mero caminho para a reflexão, mas de criação. Tais conceitos criados pela Filosofia não são os conceitos cotidianamente entendidos, como resposta ou essência, mas como aquilo que proporciona o caminho para o entendimento da solução de um problema. O conceito é um ato do pensamento.  O trabalho apresentando segue a pesquisa qualitativa e bibliográfica, para fins de compreender como a Filosofia atua no processo de ressignificação na vida social do educando. O ensino de filosofia deve ser visto como um problema genuinamente filosófico, visto que há uma preocupação dos professores ao ensinar filosofia, devendo esse problema estar presente nas orientações didáticas relativas ao ensino de filosofia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anne Caroline Freitas Vieira Aragão, Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
Graduada em Licenciatura Plena em Filosofia pela Universidade Federal do Amazonas - UFAM
José Belizário Neto, Universidade Federal do Amazonas (UFAM), PPG Filosofia (Unicamp)
Doutorando em Filosofia pelo Programa de Pós-Graduação em Filosofia da UNICAMP. Mestrado em Filosofia pela Universidade Federal da Paraíba (2006). Professor da Universidade Federal do Amazonas
Reinaldo Oliveira Menezes, Universidade Federal do Amazonas
Doutorando em Educação pela Universidade Federal do Amazonas. Graduando em Licenciatura em Filosofia pela mesma instituição. Mestrado em Educação (2020) e Especialista em Ensino de Filosofia para o Ensino Médio (2019), ambas pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

Referências

CERLETTI, A. O ensino de filosofia como problema filosófico. Tradução Ingrid Muller Xavier. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.
DELEUZE, G. Conversações. Tradução Peter Pál Pelbart. 3. Ed. São Paulo: Editora 34, 2013.
DELEUZE, G.; GUATTARI, F. O que é a Filosofia?. Tradução Bento Prado Jr. e Alberto Alonso Muñoz. Rio de Janeiro: Editora 34, 1992.
GALLO, S. A Filosofia e seu Ensino: Conceito e Transversalidade. ETHICA, Rio de Janeiro, v.13, n. 1, p. 17-35, 2006.
GALLO, S. Deleuze & a Educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2003.
GALLO, S. Metodologia do ensono de filosofia: uma didática para o ensino médio. Campinas, SP: Papirus, 2012.
LIPOVETSKY, G. Os tempos hipermodernos. Tradução Márcio Vilela. São Paulo: Barcarolla, 2004.
PLATÃO. O Banquete. Tradução Anderson de Paula Borges. Petrópolis, RJ: Vozes, 2017.
SANTOS, R. Filosofia do ensino de filosofia: propostas metodológicas para o ensino de Filosofia [recurso eletrônico]. Porto Alegre, RS: Editora Fi, 2017.
Publicado
2021-12-24
Como Citar
Aragão, A. C. F. V., Neto, J. B., & Oliveira Menezes, R. (2021). Ensino de filosofia: a ressignificação conceitual filosófica no contexto social do educando. Estudos De Filosofia E Ensino, 2(2), 5-21. Recuperado de https://revistas.cefet-rj.br/index.php/estudosdefilosofiaeensino/article/view/458
Seção
Artigos