[1]
M. Nicodemos, “É o diário filosófico uma possibilidade de resistência em tempos sombrios?”, Revista de Estudos de Filosofia e Ensino, vol. 2, nº 2, p. 22-36, dez. 2021.